• Seva Corps

SOPRO DE VIDA

Atualizado: 23 de set. de 2021





"Inspira. Expira." "Respira fundo!"


Quantas vezes já ouviu essas falas? Por que quando tudo está fora do eixo, o convite é para se voltar para algo tão básico, a respiração?


Na ciência milenar do Yoga há uma fala que diz que o corpo segue a mente e a mente segue a respiração. Por essa fala, a respiração é o mecanismo mais acessível e efetivo para se regular o corpo e a mente.


Pela respiração chegamos ao mundo. E ao fim da respiração partimos dele. É dito também nas escrituras que o nosso tempo de vida não é medido pela nossa idade, mas sim pela quantidade de respiração que utilizamos. Cada um tem uma cota e ao fim da mesma, partimos.


Ou seja, a respiração é um movimento tão básico da vida e, por isso, realizado de maneira automática e mecânica pela maioria. Porém, o que faz as pessoas dizerem "inspira, expira" ou "respira fundo" é chamar a atenção para uma respiração consciente, capaz de mudar a química do corpo e a clareza da mente. E a ciência já comprova que isso é de fato efetivo.


Estudos desenvolvidos na última década mostram que de fato a respiração lenta e profunda pode aumentar a atenção, fortalecer o sistema imunológico, atuar efetivamente no estresse, reduzir os sintomas associados à ansiedade, insônia, transtorno de estresse pós-traumático, depressão e transtorno de déficit de atenção.


Por isso que de todas as mudanças positivas que a pessoa pode fazer, aprender a respirar de forma lenta e profunda é provavelmente a maneira mais efetiva para desenvolver a consciência elevada, melhorar a saúde, a vitalidade e a conexão com a própria vida.


Como está a sua respiração nesse momento?


Por Satsangat Kaur Khalsa /Brasil


flor em contraste com o céu

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo